[POST 3000] Guia completo: como investir corretamente em uma estratégia digital

Por Erik Willian

post-3000-guia-completo-como-investir-corretamente-em-uma-estrategia-digital.jpeg

Conseguir clientes é um dos maiores desafios que uma empresa tem, o que é potencializado em um cenário de crise econômica. Por bem ou por mal, os tempos difíceis fazem com que os profissionais de marketing e vendas aperfeiçoem suas estratégias, otimizem custos e proponham caminhos criativos para investir em uma estratégia digital e projetar o nome das empresas que representam no mercado.

A competitividade no mercado exige estratégias de marketing digital que sejam viáveis e simplificadas, para serem de fácil execução e terem custos otimizados. Realizar esses processos internamente, em muitos casos, pode ser dispendioso para a organização. Sem um bom plano de ação, os resultados satisfatórios são possíveis — caso cheguem a se concretizar — apenas a longo prazo.

Estratégias de Inbound Marketing, por exemplo, permitem que as empresas:

  • publiquem conteúdo;
  • otimizem seus sites;
  • capturem leads;
  • melhorem a eficiência de vendas.

Com isso, elas inovam em seus processos de vendas e marketing, encontrando formas para que esses setores trabalhem juntos e façam o negócio crescer de maneira mais rentável. 

Quer aprender como investir corretamente em uma estratégia digital? Você está no post certo! Confira, a seguir, as melhores dicas para iniciar sua estratégia e colher bons frutos!

Por que investir em uma estratégia digital?

Investir em estratégias digitais já não é mais uma opção. É uma patente necessidade de empresas dos mais diversos segmentos, para continuarem crescendo. Mas se o seu gestor ainda apresenta resistência em aderir a novas mídias e canais de marketing, aqui vai uma lista dos motivos para apresentar:

Adesão digital crescente

O Brasil é o 5º país do mundo com mais pessoas conectadas à Internet, e apresenta constantes taxas de crescimento em todas as regiões. De acordo com o TIC Domicílios de 2015, somos mais de 102 milhões de internautas, representando 58% da população do país.

A pesquisa citada reuniu também dados sobre o uso de internet móvel. Em 2015, 38,3 milhões de pessoas acessavam a internet usando seus dispositivos móveis — tais como celular e tablet.

Já o Suplemento de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) mostrou que o celular era usado para navegar na rede em mais de 80% das casas com acesso à internet.

O Brasil é também líder global em relação ao tempo gasto nas redes sociais. A pesquisa “Futuro Digital em Foco Brasil 2015”, divulgada pela comScore, mostrou que a média de tempo gasto é 60% maior do que em todo o planeta.

Além disso, 90,8% dos internautas brasileiros estão nas redes sociais, segundo o infográfico da Revista Galileu.

Esses dados mostram que, mesmo diante de condições econômicas difíceis, os brasileiros não deixam de estar atualizados e procurar informações. O internauta brasileiro, segundo a Reuters, é o que mais consome notícias por meio das redes sociais. Um site responsivo e com conteúdo interessante, somado a estratégias de divulgação eficientes, é essencial para se destacar nesse contexto.

Poder de segmentação

Os investimentos em Marketing Digital dão total poder de segmentação às empresas. Com ferramentas de divulgação — como o Google AdWords e o Facebook Ads — e estratégias de SEO (Search Engine Optmization), você direciona suas ações por:

  • demografia — estado civil, escolaridade, região onde mora etc.;
  • interações em redes sociais;
  • comportamentos, entre outros.

Assim, se você possui uma loja de sapatos, por exemplo, é possível fazer com que sua campanha de Marketing Digital alcance apenas usuários masculinos que:

  • morem nas proximidades de seu estabelecimento;
  • tenham entre 35 a 50 anos;
  • estejam interessados em sapatos que aliem boa qualidade ao bom gosto.

Com isso, fica mais fácil atingir o potencial cliente quando ele estiver mais propenso a comprar de sua empresa, correto?

Dados úteis para a organização

Em todas as fases do processo, o Marketing Digital gera uma série de dados inteligentes para gestores, empresários e profissionais de marketing.

Com esses dados, você:

  • entende quais são os assuntos mais pesquisados pelo público-alvo;
  • compreende o comportamento dele;
  • conhece as preferências dele;
  • entende como ele interage com outras empresas e marcas;
  • sabe quais objeções ele possui em relação ao seu negócio etc.

Os dados gerados também permitem mensurar o retorno sobre investimento (ROI) de tudo o que é feito. Imagine poder identificar os canais têm maior potencial entre o público, opondo-os àqueles que não trazem tanto lucro.

Também é possível conhecer seu Custo de Aquisição por Cliente (CAC), e a duração do seu Ciclo de Vendas, ou, ainda, qual é o perfil daqueles que compram seus produtos e serviços, bem como outras informações que ajudem na construção do seu funil de vendas.

Todos esses dados são essenciais para um planejamento estratégico e permitem o saber como otimizar processos em tempo hábil.

Orientação com resultados mensuráveis

O Marketing Digital é mais simples de gerenciar, se comparado aos canais de mídia tradicional, como TV e rádio. Um artigo em um blog pode ser editado a qualquer momento, permitindo que ele esteja sempre atualizado — um cuidado que não é possível em veículos de mídia impressa, por exemplo.

Publicidades digitais realizadas no Facebook Ads e Google AdWords também podem ser interrompidas ou modificadas a qualquer momento. Realizar testes A/B para entender o que é mais eficaz com o público fica muito mais fácil.

Atração de novos clientes a custos menores

As melhores campanhas de marketing digital são aquelas baseadas na busca da geração de valor para o cliente. Com esse princípio, você atrai o cliente com informações úteis para ele. Isso é revolucionário, especialmente se considerarmos que a publicidade tradicional se consolidou em torno da lógica interruptiva, parando o público em qualquer hora e lugar para vender itens de que ele jamais precisaria.

Segundo o Viver de Blog, o retorno sobre investimento do Inbound Marketing é de 275%, sendo ele responsável por mais de 90% dos cliques na internet. Esse resultado se dá graças ao fato de ele se basear na criação de conteúdo útil para os clientes, que se sentem à vontade para compartilhá-los nas redes sociais.

É certo que esses conteúdos úteis precisam de marketing de divulgação, o que pode ser aprimorado com a publicidade paga, por meio de links patrocinados. É preciso lembrar que, à medida que os materiais ganham espaço nos resultados de mecanismos de busca, a necessidade de investimentos em anúncios diminui.

Melhores condições de trabalho para os times de Marketing e Vendas

No marketing tradicional, a obtenção de novos clientes é feita com a prospecção ativa, na qual a empresa faz uma busca efetiva por novos negócios. Seguindo essa lógica, são utilizados o telemarketing, a venda em domicílio, entre outros recursos.

É necessário realizar uma série de tentativas para realizar uma venda, e a mensuração das táticas utilizadas é dificultada pelas subjetividades de cada situação.

Alguns profissionais da área afirmam que a abordagem dos vendedores, fria, pode ser um fator de peso para a ineficiência desse tipo de abordagem, mas há outros aspectos a serem considerados. Um cliente com muitas dúvidas sobre o próprio problema, por exemplo, demanda maior atenção dos profissionais.

O Marketing Digital oferece uma série de soluções para diminuir o custo de aquisição por cliente. Fornecendo conteúdos que ajudam a sanar as dúvidas dos potenciais clientes, ele direciona a prospecção para aqueles que já estão prontos para fechar negócio, reduzindo os esforços dos setores de marketing e vendas.

Informação em tempo real

O Marketing Digital fornece dados e relatórios completos sobre o desempenho das campanhas em tempo real. São inúmeras ferramentas para monitorar instantaneamente cada mídia, bem como a repercussão das estratégias aplicadas.

Dessa forma, é possível entender:

  • quantas pessoas clicaram em um anúncio;
  • quais delas visitaram o site de seu negócio;
  • por onde elas navegaram;
  • quantas compraram seus produtos e serviços;
  • quais foram as páginas abandonadas;
  • quantas viram o anúncio e não clicaram etc.

No marketing tradicional, essa mensuração é muito mais imprecisa. Como identificar quantas pessoas foram impactadas por um outdoor ou por um carro com alto-falante? E como contabilizar quantas pessoas decidiram conhecer a sua loja depois de ouvir um comercial no rádio?

Questionários são dispendiosos, e obter respostas honestas do público exige a contratação de profissionais especializados em pesquisas de mercado.

Quais são as melhores práticas de estratégia digital?

Cada público tem as suas particularidades, e as empresas precisam entendê-las, para relacioná-las aos seus objetivos e aos contextos mercadológicos, criando uma estratégia que vá direto ao ponto.

Porém, algumas práticas são fundamentais para estabelecer boas táticas de marketing digital. Acompanhe!

Defina a persona

A definição da persona é o ponto de partida para todas as suas ações digitais. Com esse perfil semifictício, você ajuda a esclarecer para todos os profissionais envolvidos em sua estratégia quem é o seu consumidor ideal, direcionando discursos e estratégias.

Assim, a etapa de planejamento terá mais condições para estabelecer diretrizes para as estratégias de campanha.

Procure táticas para se relacionar com sua audiência

É preciso que você esteja presente em todos os canais nos quais se propõe a interagir com a audiência. De nada adianta divulgar um post no Facebook se você não responde as reações a ele adequadamente, por exemplo. Essa presença também é construída com a regularidade, e por isso, seguir um calendário editorial é tão importante.

Crie conteúdo de qualidade

A qualidade do material que você disponibiliza é responsável por agregar confiabilidade ao seu negócio. Daí a importância de entender os problemas que afligem sua persona. Eles servirão como base para a criação de pautas que vão de encontro às necessidades da persona quando ela precisar.

Esclarecemos que a produção de estratégias digitais não se restringe somente em ir de encontro às necessidades do usuário, mas também ao timing. É preciso que você entenda quando lançar determinada pauta e como fazer para que ela chegue até o seu público-alvo no momento certo.

Busque o engajamento do leitor

Incentive a interação do usuário com os conteúdos que você cria. Esse tipo de feedback ajuda a entender como o seu público está recebendo o trabalho, aproxima a sua empresa do cotidiano do usuário e ajuda no levantamento de pautas relevantes.

O CTA (call-to-action, ou chamado para a ação) é uma importante ferramenta para isso. No e-mail marketing, em uma postagem na rede social ou no final de um artigo, ele ajuda a conduzir o usuário para o próximo nível do funil de vendas.

Ele vai muito além do “compre já”. É preciso que ele seja estratégico, levando em consideração seus objetivos e as características da audiência.

Utilize dados demográficos e direcione um tráfego de qualidade para o seu site

Há uma grande diferença entre ter milhares de visitantes diariamente, e ter um tráfego de qualidade, no qual esses visitantes, mesmo que não sejam milhares, interagem com o seu conteúdo da maneira certa.

Nas mídias sociais, o tráfego de qualidade pode ser obtido por meio de estratégias Inbound, envolvendo visitantes originais. 6.000 pontos de visitas de 6.000 pessoas distintas são melhores do que 60.000 pontos de visitas de um pequeno grupo central.

O YouTube, por exemplo, tem um alto número de visitantes engajados. Por ser uma plataforma centrada em vídeos, eles apresentam conteúdo de uma maneira áudio e visualmente atraente. Ela também alcança uma base demográfica ampla, e pode receber investimentos pelo Google AdWords.

Por que considerar a mídia paga?

Investir em um conteúdo de qualidade e em estratégias de SEO certamente leva o nome de sua empresa para novas fronteiras. Porém, aliar essas táticas a investimentos em mídia paga leva a sua campanha para um novo nível de eficiência. Anúncios no Facebook Ads e no Google Adwords aumentam sua visibilidade e aceleram o seu reconhecimento entre o público. Entenda os motivos!

Melhora a visibilidade de sua empresa

Os investimentos em mídia paga melhoram o número de visualizações de seu site, dos seus conteúdos e de seus posts nas mídias sociais. Oferecendo um alto poder de segmentação, esses anúncios permitem que as empresas fiquem focadas nos compradores em potencial, gerando leads mais qualificados para a empresa. Com um investimento modesto, você promove sua marca e gera visibilidade para sua marca, o que impacta diretamente em seus resultados de vendas.

Oferece uma série de formatos

Plataformas como o Google AdWords e o Facebook Ads oferecem uma série de formatos diferentes para quem deseja promover a empresa e divulgar seus produtos e serviços. No Google AdWords, por exemplo, você tem a opção de veicular anúncios na Rede de Display, em canais do YouTube e colocar o site de sua empresa entre os resultados das buscas dos usuários que utilizarem as suas palavras-chave.

É um investimento acessível

Ferramentas de mídia paga oferecem valores flexíveis, o que as torna especialmente interessantes para pequenos empreendedores e empresas que não têm um orçamento alto para investir em estratégias de comunicação.

No Google AdWords, por exemplo, você tem a possibilidade de pagar somente quando o usuário clica em seu anúncio. Vantajoso, não é mesmo?

Vale lembrar que investir somente em anúncios, sem cuidar do conteúdo do site, não é uma prática recomendável. Daí a importância de contar com profissionais capacitados, que implantarão uma estratégia integrada entre seus diferentes canais.

Como definir um orçamento de estratégia digital?

Em uma boa parte das empresas, a briga pelo orçamento de Marketing Digital é um desafio e tanto. Diversos CEOs não entendem a importância da área, e veem nela o primeiro alvo para as políticas de corte de gastos das organizações. Nesses locais, é comum que o Marketing seja visto apenas como uma ponte para que a empresa apareça no mercado, e não oferece práticas e métricas que comprovem seus resultados.

Felizmente, o Marketing Digital traz oportunidades para que sua empresa fuja desse cenário, trazendo dados que o comprovem como uma importante fonte de receitas para a empresa.

Basicamente, um orçamento de marketing digital envolve os seguintes investimentos:

  • Anúncios (Facebook Ads, Google AdWords e outros);
  • Desenvolvimento ou atualização do seu site;
  • Ferramentas (automação de marketing, e-mail marketing, analytics, CRM, etc.);
  • Produção de conteúdo;
  • Equipe ou agência parceira.

Levando esses aspectos em consideração, há pelo menos duas formas diferentes de traçar o orçamento de marketing digital dentro da empresa: quando ele parte da Diretoria e quando o setor de Marketing sugere o orçamento e ele precisa ser aprovado pela Diretoria.

Quando a Diretoria define o orçamento

Em empresas menores, é comum que uma parte do faturamento (entre 3 a 5%) seja direcionado para investimentos em Marketing.

Para fazer um orçamento mais eficaz, contudo, é recomendável que a Diretoria examine o histórico de vendas e trace uma expectativa de crescimento para o próximo período e qual é a margem de cada produto. Quando você sabe quantas vendas precisa fazer e o quanto pode gastar com Marketing Digital para cada venda, fica mais fácil definir o orçamento.

Quando o Marketing realiza um orçamento e o submete à Diretoria

Nesse caso, é essencial que os profissionais de Marketing mostrem o quanto a empresa pode vender mais e melhor com um orçamento de marketing adequado. Identifique a marquem que a empresa terá ao incorporar os custos de Marketing e quanto esse modelo se sustenta.

Em geral, lembre os seus superiores que o Marketing Digital diminui o custo de aquisição e aumenta a margem de vendas. Veja mais dicas para fazer o seu orçamento de uma maneira inteligente!

Por que contratar uma agência é fundamental para poupar dinheiro e ter resultados?

A maior dificuldade em uma estratégia de marketing é o fato de sua empresa não ser especializada na área. Algumas noções básicas podem ajudá-lo a acompanhar o que a sua empresa necessita, mas o marketing exige tempo para executar uma estratégia eficaz. Ainda em dúvidas sobre contratar ou não uma agência? Acompanhe!

Iniciar o seu projeto

Sabe aquela dieta que estamos sempre adiando para a próxima segunda? A procrastinação também ocorre nas empresas, e pode ser provocada pelos mais diversos fenômenos.

É comum que as equipes internas até façam o planejamento, mas ao final do mês, percebam que nada do que foi planejado saiu do papel. E isso não faz com que o seu departamento de marketing seja pior. Na verdade, trata-se de uma situação compreensível, já que os setores de comunicação e marketing das empresas recebem cada vez mais atividades.

A falta de tempo para executar o plano de marketing digital pode ser causada também pela falta de pessoas capacitadas para isso. Ainda assim, se nada está sendo feito, é preciso que sua empresa delegue a tarefa para alguém que possa cumprir essas funções.

Obtenção de resultados com menos dor de cabeça

Quando você contrata uma agência de marketing digital, delega as tarefas de execução da estratégia para profissionais capacitados, que saberão quais ferramentas e métodos serão mais adequados para o são caso.

Isso agiliza a obtenção de resultados e alivia a sua equipe de mais uma preocupação. Afinal, elaborar e monitorar conteúdo exige tempo e anos de estudo! Uma agência certificada pode estabelecer quais serão as métricas a serem monitoradas, como estruturar relatórios e quais pautas podem alavancar a imagem de seu negócio.

Contar com uma equipe de especialistas

É provável que você não tenha uma equipe com as habilidades ou com o tempo necessário para planejar, executar e analisar uma campanha completa de marketing digital. Alguns empreendedores até se arriscam a estudar para aprender as habilidades necessárias para a produção de conteúdo, mas na maioria dos casos, isso não vale a pena.

Afinal, é preciso lembrar que uma agência coloca à disposição profissionais especializados em cada área do conhecimento dentro do marketing, fazendo com que a divisão de tarefas seja mais eficiente.

Ter um profissional encarregado do marketing pode ser interessante para que ele supervisione o trabalho da agência, mas não para o processo integral. Uma agência oferece um grupo de profissionais qualificados e especializados em diversas áreas, o que torna a estratégia de marketing mais eficaz. Em outras palavras, ao lado de uma agência, você tem mais eficiência.

Foco em seu negócio

Terceirizando suas ações de marketing, você pode focar no seu negócio, procurando estratégias para as outras frentes dele. Assim, se por um lado você investe para que mais pessoas conheçam sua loja, por outro, você pode cuidar para que seu atendimento aprimore ou que a experiência de compre fique ainda melhor, por exemplo.

O importante é que você planeje uma estratégia em conjunto com sua agência, aliando os seus conhecimentos aos dos profissionais com os quais você vai contar.

Entender quais são os seus resultados com uma análise bem apurada

Você sabe quais dados deve mensurar para entender a performance de sua estratégia de marketing digital? E sabe como interpretar os resultados obtidos? Uma agência digital possui profissionais especializados nisso.

O que não se mede não pode ser melhorado. Essa máxima do marketing digital é um lembrete de que, mesmo que os resultados não sejam positivos, é preciso que você entenda, o quão antes, o que não está funcionando para não jogar mais dinheiro fora.

Uma boa agência de marketing digital está sempre em busca de otimização, extraindo o melhor resultado possível de cada ação.

Para investir em uma estratégia digital, é preciso definir um orçamento sustentável para a empresa e contar com profissionais capacitados, que agreguem a sua experiência na construção de táticas criativas para projetar a sua marca no mercado.

Se você está à procura de uma divulgação inteligente para a sua empresa, entre em contato com a Digital Pixel e saiba como podemos ajudá-lo.

Erik Willian

Fundou a Digital Pixel em 2010, nascido em Belo Horizonte / MG, é experiente tanto na área de desenvolvimento como nas atividades de planejamento, atendimento. Atualmente é o responsável, na Digital Pixel pelo setor comercial e planejamento. Trabalhando com prospecção e adquisição de novas parcerias/clientes para a empresa. Participa ativamente dos projetos da empresa, e esteve presente desde a pré-contratação à entrega em mais de 1000 projetos web de diversos seguimentos.

Comentários

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Comente com o Facebook

Av. do Contorno - n°3979 sala 1004
Santa Efigênia - Belo Horizonte - MG
30110-021

(31) 3384-8620

contato@digitalpixel.com.br

Voltar Para o Site